Minha história com a psicologia clínica começou ainda nos estágios da faculdade e, desde então, minha jornada enquanto psicóloga tem o objetivo de, através do processo de psicoterapia, auxiliar cada sujeito a desenvolver a habilidade de (re)conhecer a inter-relação entre seus pensamentos, emoções e comportamentos e, com isso, adquirir autonomia para vivenciar esses processos de maneira congruente aos seus valores. 

Prezo pela relação colaborativa durante o curso da psicoterapia, desta forma, alinhada aos objetivos e participação do paciente em seu processo, assumo uma postura ativa e isso significa que, sempre que pertinente, faço pontuações, questionamentos, conduzo a construção de novas perspectivas e introduzo técnicas cognitivas e comportamentais relevantes para o caso.